quarta-feira, 27 de julho de 2011

Muito importante

Apadrinhar um casal é ser escolhido para fazer parte do círculo de amizade da
família.
Temos o costume de dizer que padrinho é “um amigo escolhido para ser
parente”. Quando recebemos tal convite, ficamos muito gratos.

O padrinho de casamento, dizem os livros da sabedoria, é escolhido pelos
noivos por conhecerem bem os princípios que regem um casamento. Dizem que o
padrinho é um acompanhante que tem muitas experiências para transmitir, e é
capaz de ajudar o novo casal a ultrapassar os problemas cotidianos. Um
padrinho que apadrinha como deve ser, é capaz de ajudar seus afilhados a
cumprirem as juras feitas no altar, durante uma longa vida, até que a morte os
separe!

Ser padrinho ou madrinha de casamento é mais do que apenas dar um presente
de valor aos noivos. Geladeira, Fogão, TV de plasma, são coisas materiais que
qualquer um pode comprar. Na perspectiva da fé, estar ao lado dos noivos no
altar é também fazer um compromisso com Deus, um trato no qual nos
responsabilizamos a ajudar o marido e a mulher a manterem vivo o matrimônio.

Apadrinhar um casal durante 01 hora de cerimônia é relativamente fácil, difícil
é testemunhar amizade e devoção durante uma vida inteira.
Quando tudo vai bem é só alegria e satisfação. Quando tudo vai mal é que os
amigos, e principalmente os padrinhos devem se fazer presentes!

Vocês aqui, padrinhos e madrinhas desse casal, pensem bem na sua função de
zelar pela felicidade de ambos. Note bem, eu disse “de ambos”. Não é porque
sou padrinho da noiva que vou ficar contra o noivo, e vice-versa. Sendo os dois
“uma só carne” aos olhos de Deus, a tarefa é cuidar para que sejam felizes “um
com o outro”, e não separadamente.

Ser um padrinho fiel e amigo, daqueles com o qual se pode contar para todas as
horas!!!!
Eis o melhor presente de casamento que se pode dar, e que não tem preço!!!!

0 comentários:

Postar um comentário